I can recommend you to choose from the best canada hosting or check out my personal and user based inmotion reviews hosting.
Imprimir
Data de publicação
Escrito por Leticia Bahia Pardal

Ano do Brasil em Portugal

O Ano Brasil Portugal é a sequência inevitável de uma série de celebrações do Brasil com países diretamente ligados à sua história, seja como colonizador, no caso do irmão lusitano, ou como imigrantes que aqui se instalaram e criaram raízes definitivas.


Em junho de 2005 (se estendendo até setembro de 2006), o Ano do Brasil na França surgiu como uma iniciativa pioneira no sentido de aprofundar as relações bilaterais no âmbito cultural, acadêmico e econômico. Quase 190 anos depois de a Missão Artística Francesa (1816) de Debret, Lebreton, Taunay, Grandjean de Montigny  e outros ter aportado no Rio de Janeir,o por iniciativa de Dom João VI,  artistas brasileiros participaram de  centenas de eventos na França, como exposições, shows, concertos, ciclos de cinema, seminários e festivais.

Neste ano, 2005, surgiu a ideia do Espaço Brasil, que em 2012/2013, em Lisboa,  se fará novamente presente. O palco por onde se apresentaram artistas de todas as regiões do país, e que recebeu um verdadeiro painel de ritmos, funcionou de 11 de junho a 25 de setembro, no Carreau du Temple, no bairro do Marais, em Paris.

 O Carreau du Temple transformou-se rapidamente em um ponto de encontro informal de franceses, brasileiros e turistas do mundo inteiro. Mas diversos espaços culturais franceses, não apenas em Paris, tiveram uma vasta programação de cinema, palestras, workshops, exposições, apresentações teatrais e circo entre outras atividades.

 O Ano do Brasil na França mobilizou mais de dois milhões de franceses e obteve um grande retorno de mídia. Como resultado, houve um aumento de 27% de turistas franceses no Brasil e mais de 450 milhões de dóllares em produtos brasileiros exportados para França.

 Em 2009, houve a contrapartida, com o Brasil servindo de cenário para artistas franceses de todas as vertentes artísticas, além do intercâmbio

em outras áreas como  ciência, tecnologia. Entre os mais de 200 projetos aprovados para a programação oficial estava o Caravana Musical do Musette que passou por quinze cidades no Brasil apresentando a história da música popular francesa. Durante o Ano, que terminou em setembro de 2010, houve exposições do pintor, desenhista e escultor Henri Matisse, na Pinacoteca de São Paulo, e do pintor e gravurista Marc Chagall, no Museu de Arte de São Paulo, o Masp.
 Artistas convidados  participaram também de grandes eventos do calendário brasileiro, como o Festival de Ópera de Manaus, a Virada Cultural, em São Paulo, e o Festival Mundial do Circo, em Belo Horizonte.

 De junho de 2011 até o junho de 2012 foi a vez de os italianos celebrarem por aqui os laços com o Brasil que os recebeu de forma mais significativa desde o século XIX. O chamado de Momento Itália-Brasil recebeu ao todo mais de 200 eventos, incluindo exposições, peças de teatro, espetáculos de dança e de música, mostras de cinema e de moda. A programação foi tão diversa que abrigou até uma curiosa Festa da Polenta, no Espírito Santo. Mas também tiveram exposições de Leonardo Da Vinci (1452-1519), Modigliani (1884-1920) e Caravaggio (1571-1610), além da  mostra "Homenagem a Pier Paolo Pasolini".

 No ano que vem, após os festejos casados com Portugal, acontece o ano Alemanha + Brasil 2013-2014, a partir de maio, cujo lema é “Quando ideias se encontram”. Além dos laços culturais, os países se comprometem a discutir o que compartilhar para moldar o futuro. A intenção é trocar ideias sustentáveis para moradia, trabalho, transporte e alimentação. Economia, cultura, tecnologia, inovação, educação, ciência e esporte serão alguns dos temas abordados na programação.
 

 

Leia mais...

Joomla 1.7 Templates designed by Business Hosting Reviews